Atendimento:

8:00 - 18:00

Ligue:

(11) 4148-0963

A contabilidade em Cotia e o seu perfil de liderança: PARTE 1

A contabilidade em Cotia fornece dados estratégicos nos quais você pode concluir o seu perfil de liderança com os seus funcionários

Você sabe qual é o seu perfil como líder? Saiba, a contabilidade em Cotia pode responder essa pergunta melhor do que você. Claro que saber o seu perfil de liderança passa exatamente pelo autoconhecimento, mas a contabilidade em Cotia trabalha com dados estratégicos que, além de falar muito sobre a sua empresa, falará muito sobre a sua liderança.

O resultado da sua empresa e a postura dos seus funcionários contribuem muito para que a contabilidade em Cotia mostre a sua identidade como líder e as posturas que precisam ser tomadas em determinadas situações.

Costumam dizer que contra fatos não há argumentos, e na realidade dos números os fatos estão nos dados, e ninguém trabalha melhor com esses números do que uma contabilidade em Cotia.

A contabilidade em Cotia, antes de tudo, traçará alguns modelos de liderança. Na prática, cada modelo se encaixa melhor em determinados tipos de trabalho, e, é claro, que todos têm seu bônus e ônus.

Esse artigo vai, então, mostrar alguns estilos de liderança que a contabilidade em Cotia pode traçar. Mas, fique atento, pois como são vários perfis, esse artigo será o primeiro de dois.

Chefe clássico

É o tal do líder egocêntrico que, na verdade, como o subtítulo descreveu, é o chefe. Geralmente mandão, a sua postura traduz o que, na verdade, é uma escama para o medo de ter o seu tapete puxado.

Chamamos de chefe clássico, muito embora não seja o estilo de chefe mais comum, mas é o que mais se assemelha a caricatura de um chefe de filmes e desenhos animados. É o que hoje é chamado de meme.

Com chefes mandões desse estilo bem clássico, a proximidade entre “líder” e liderado é praticamente a mínima, se não dissermos nula. Já que nesses casos não existe feedback e as críticas são apenas destrutivas.

As únicas benesses de um chefe clássico, é que no compasso em que os seus funcionários ficarão desgostosos com ele, também dificilmente eles os desrespeitarão.

Líder consensual 

O avesso do chefe tradicional, já que ao invés de afastar os seus liderados, quer trazê-los para si. Geralmente é cativante e boa praça – mas precisa tomar cuidado para não soar a sua postura forçada.

Quando existe alguma problemática, o líder consensual é democrático e busca agregar toda a sua equipe. Porém, essa democracia tem o seu ônus quando se trata de lidar com funcionários que não gostam de ter suas vontades contrariadas. Por isso, a falta de pulso do líder consensual pode fazer com que ele perca a mão da sua equipe.

Líder autoritário

Se engana quem acha que o líder clássico e autoritário têm muitas semelhanças entre si. Enquanto o líder clássico age de forma rude por medo de perder a mão da sua liderança, o líder autoritário geralmente é perfeccionista e a sua rudez se dá pelo estigma do “tudo certo e do seu jeito”.

Geralmente o líder autoritário será individualista e tende a tratar os funcionários como se fossem seus robôs particulares.

Ele não abrirá espaço para sugestões e será PHD nas frases “Vai e faz” e ” Dá um jeito”.

Por um lado, o líder autoritário será movido por resultados e dentre todos os esforços possui grandes chances de gerar números positivos à empresa, porém, esses números serão conseguidos custe o que custar e pode custar caro para a gestão de pessoas, gerando uma rotatividade grande de funcionários, que podem se desgastar e deixar a empresa. Além de ter em sua equipe funcionários desmotivados e que pouco rendem, mesmo com a voracidade do líder em busca dos seus resultados.

Bem, ainda temos uma série de líderes para apresentar como o líder paternal, marcador de ritmo, treinador, centralizados, liberal etc. Acompanhe os nossos artigos e busque correndo uma contabilidade em Cotia para traçar o perfil da sua liderança para que, se preciso for, você adeque a sua forma de trabalhar de acordo com a sua equipe, mercado e demais circunstâncias.

Compartilhe: